Walter Lantz

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Death99.png Walter Lantz já morreu!

Não era sapateiro, mas bateu as botas!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Walter Lantz é um personagem criado por Woody Woodpecker(oh, nominho desgraçado), mais conhecido no Brasil pelo nome pornográfico de Pica-Pau. De início o Pica-Pau havia o batizado como Walter Benjamim Lanza, mas pra facilitar as coisas e inglesar o nome italiano, ficou sendo simplesmente Walter Lantz.

Pica-Pau apresentando sua criação aos amigos.

Ele foi criado logo após a derrubada do Império Maia na América do Norte, apenas porque após a batalha ninguém sabia mais o que fazer com tanta pena. Deram-nas então, aos guerreiros que não tinham feito trabalho nenhum: Nem matar nem morrer. As penas foram o pagamento deles, assim, eles fizeram o que conseguiram, e Walter Lantz usou as penas para desenhar o Pica-Pau... mas não foi o Pica-Pau quem o criou? Até o fim da página você acabará por entender isso.

Como o Pica-Pau foi chocado[editar]

Pica-Pau após simbiose com sua criação.

O Pica-Pau havia sido chocado à algum tempo do modo mais do que convencional, mas não sabia onde construir sua casa e como ele não e das espécies que roubar o ninho alheio e também, tem ojeriza de utilizar ninhos abandonados, o Pica-Pau foi morar no forro da casa dos pais de Walter Lanza, mas a principio era praticamente uma simbiose, sem maiores problemas, quando queria picar alguma coisa, o pássaro ia meter o bico em outro lugar, porém chegou o inverno(não estranhe a linguagem estilo frescura), e o Pica-Pau, como quase todo mundo sabe, tem muita preguiça de migrar. Acabou ficando por lá, mas agora as árvores eram escassas e ele não tinha onde meter.

O Pica-Pau se controlou por alguns dias, mas começou a bater a noia e ele não viu outra solução para se acalmar, é claro que não queria destruir sua própria casa a casa do senhor Lanza, mas a noia estava feroz mesmo e ele acabou por começar a furar a forro todo. O pai do Walter(que nem existia ainda), não conseguiu mais dormir e foi ler, mas também não conseguiu prestar atençãoo na leitura com aquele toc na cabeça. Então foi dar uma com sua esposa. E lá começou os amassos, Estou no período fértil - disse a gringa, mas a perereca já estava úmida e o senhor Lanza terminou o serviço.

Nove meses depois é claro, lá estava o pequeno Waltinho, criação do Pica-Pau. Anos depois ele pergunta ao seu pai de onde eu vim? O senhor Lanza ala que ele nasceu por culpa do Pica-Pau. Como o pequeno Waltinho não gostava de seus pais, mesmo porque eram uns americanebas pobres do caralho, ele então resolveu se vingar do Pica-Pau... Bom essa vingança não tem a menor lógica, mas vingança em geral não a tem mesmo. De início ele não sabia como, porque sempre que ia matar o Pica-Pau ele conseguia voar antes, então mais alguns anos depois é que ele teve a ideia de como executar sua vingança.

A pena[editar]

Walter com um sorrisinho besta, satisfeito ao se vingar do Pica-Pau.

A pena não era do Pica-Pau, era de um pássaro qualquer, que o índio que a usara havia guardado, e aquilo sequer parecia pena de um pássaro, mas sim de uma galinha. Walter ao receber aquilo como pagamento por não ajudar em nada a acabar com as últimas tribos que estavam atrapalhando os planos dos cara-pálidas... E Walter bem avisou que não era bom em pelejar, mas exigiram que ele fosse. Não fez nada regado á porra nenhuma. Por isso sua condecoração foi um punhado de penas, entre elas, como já mencionado NÃO estava a do Pia-Pau, coisa da qual ele se lamentou.

Pica-Pau após deixar o Bosque Encantado e voltar para a casa de Walter Lantz.

Olhando porém, para aquelas penas em sua mão, ele pensou que a única forma de recuperar o tempo perdido, que aquelas porras de penas não eram pagamento que prestasse, nem sequer eram um troféu descente, ele pensou que tiraria delas mesmo a vingança sobre a cabeça vermelha do Pica-Pau. Pegou uma delas, aquela exatamente que era a pena de uma galinha e... fez um retrato do Pica-Pau, porém o deixando ainda mais feio do que já era. O Pica-Pau olhava aquilo de longe e ficava puto, mas não podia fazer nada e ainda os amigos do Walter Lantz olhavam e também riam da cara do pobre pássaro, que pagou apenas por seguir sua natureza... de preguiçoso que não presta nem pra migrar.

Depois disso Walter, criação do Pica-Pau, começou a fazer mais desenhos pondo o Pica-Pau em situações ridículas, como seus amigos haviam gostado, ele levou a ideia para a escola de frescura Artes, todos gostaram daquela merda e ele então passou a ganhar muita grana às custas do Pica-Pau. Nessa altura, Walter não estava mais com raiva do bicho de plumagem vermelha, por tê-lo feito vir ao mundo com pais pobres, já que agora ele não fazia mais parte da ralé... ao menos não por ser um pobre fudido. Deu ao Pica-Pau, finalmente um bosque só pra ele, mas o Pica-Pau voltou para o forro da casa do Walter após um tempo, por um motivo muito simples: O bosque do Pica-Pau acabou ficando famoso e foram para lá muitas criaturinhas frescas, hoje em dia o bosque é conhecido como Bosque Encantado e o Pica-Pau não se adaptou mais, assim voltou à casa de Walter Lantz, que por isso se irritava inspirava mais e então a simbiose se estabeleceu.