Pantera (DC Comics)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Chuck Norris.jpg Este artigo é um(a) super-herói(na).

O texto a seguir é sobre alguém que voa, tem poderes, salva donzelas e prende bandidos. Se vandalizar este artigo, eles te levarão à Justiça.

Para conhecer mais desses seres incríveis, clique aqui.

Cquote1.png O meu melhor discipulo. Cquote2.png
Anderson Silva sobre Pantera
Cquote1.png Ele gosta mesmo é de bater apenas em mulheres. Cquote2.png
Arqueiro Verde sobre Pantera
Cquote1.png Isso até eu te moer em porrada! Cquote2.png
Pantera sobre a citação acima

Pantera mostrando suas garras. Tá mais parecendo a mulher gato...
NovoWikisplode.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Pantera (DC Comics).

Pantera é um dos milhares de heróis fictícios do maluco universo DC Comics. Pantera seria um pugilista da WWE que faz justiça com as próprias mãos e que usou sua força e golpes de Vale-Tudo e MMA para poder limpar seu nome e trazer vantagem própria, prendendo bandidos e tirando dentes de inimigos.

Mais tarde teria entrado na sociedade da Justiça, uma espécie de pseudo-liga-da-justiça.

Criação[editar]

Pantera, o sanguinolento não tão boninho. Dizem que ele coleciona os dentes de seus inimigos.

Inspirado no fato de MVP ter nocauteado seu primeiro inimigo na WWE, um criador que permanece anônimo até os dias atuais diz que criou um personagem que seria pugilista e que iria nocautear as pessoas que fossem acusá-lo de os estupros que escondia.

Tal personagem fez bastante sucesso e foi publicado pelo próprio autor. Enquanto o criador do Pantera falava os diálogos, seu filhinho de 9 anos desenhava o Pantera e coloria... Ele literalmente havia formado uma empresa.

Quando foi vender o gibi, convenientemente, os olhos atentos da DC começaram a vigiar o criador do Pantera e acabaram convencendo ele a vender o personagem. Assim ele assinou um contrato e acabou em uma armadilha em que ele vendia a alma para trabalhar lá.

Cquote1.png Vender a alma? Isso é coisa de microsoft! Cquote2.png
Você sobre afirmação acima

Mas você acha que qual empresa que coordena a DC? É verdade, mas sabe como é... Raramente a DC contrata os criadores de seus personagens e essa era uma oportunidade de ouro para passar em vendas de gibis que estavam sempre atrás da Marvel.

O Pantera teve seu gibi lançado 1 dia após ter sido criado, isso para mostrar o desespero que eles tinham em passar a Marvel. Depois eles quebram a cara pois "o personagem não foi bom o suficiente".

História/origem[editar]

Sua origem veio quando o pai de Ted Grant (o Pantera) percebeu que era um fracassado e que devia treiná-lo para que ele não levasse cuecões dos valentões na escola, algo bem comum para Ted.

Então ele contratou um pugilista chamado Sockeeeeeerrr Smith ou tradução de Otário. Socker começou a treinar o garoto e adquiriu até mesmo afeto com o Ted. Mais tarde, ele se formou em Pugilistologia e virou um Pugilista profissional. Quando foi soube que iria contra Socker, seu antigo mestre, Pantera disse... Ou melhor, fez:

Ffffuuuuuuuuuuuuuu.jpg

Então tentaram convencer Socker perdesse a luta com um suborno. Ele não aceitou, e acabou se fudendo...

Colocaram uma agulha envenenada na luva de Ted, o que levou a ele assassinar seu próprio mestre sem querer. Ou homicídio culposo, na língua dos advogados.

Ted então encontra um nerd lendo uma revistinha do Lanterna Verde, e ele o convence a fazer um uniforme. Nisso, ele só tinha roupas da mulher gato e acabou pegando uma delas e se apelidando de Pantera. Sob essa personalidade, ele acaba derrotando os encrenqueiros que fizeram ele matar seu mestre e também adotou a identidade heróica de Pantera para fazer merchan dele.

Poderes[editar]

Bem, como a maior parte da sociedade da justiça, este não tem poderes especiais, embora digam que ele é sobrehumano e que é o melhor pugilista terrestre, sendo que pode cortar balas com um soco e esmagar um crânio com a mesma facilidade que sua mãe tem quando está descascando batata.

Cquote1.png Que exemplo terrível... Cquote2.png
Você sobre meu exemplo

Okay, minha comparação não foi muito boa, mas de qualquer forma... Dizem que em 1968 ele conseguiu 9 vidas e o hábito de ficar miando com os outros gatos da vizinhança.

Ver também[editar]

v d e h
O incompreensível mundo do Universo D.C.