Maiar

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Chutaela.jpg Este artigo é sobre uma bruxa!

ou algo tão feio e horripilante quanto uma bruxa...

...sua mãe, por exemplo.

Tomadinha do poder.jpg Maiar tem PODER!
E te levará para qualquer lado da Força


Cquote1.png Você quis dizer: Magos mutantes Cquote2.png
Google sobre Maiar


Maiar (no singular Maia) são espíritos ultra-poderosos que podem assumir várias formas. Os Maiar foram enviados a Terra Média por Eru, o Todo Poderoso, para combater o mal, fazer o mal, comer criancinhas, viver em cavernas queimando os outros com uma espada de fogo, etc. Os Maiar mais conhecidos são os Magos, que são divididos em 4 níveis:

Nível 0[editar]

Um maia de nível zero é muito bundão. Por isso ele não existe já que Maiar geralmente andam por aí com cajados e barbas longas, e ninguém que ande assim pode ser um bundão! Não existe ninguém nesse niível, mas se existisse teria o poder de força só um pouco acima dos bruxos fracassados de Harry Potter.

Nível 1[editar]

No primeiro nível, os maiars são fracos, tão fracos que não existe nenhuma imagem deles, mas como são apelões, essa fraqueza já é o bastante para po-los no nível do Mestre dos Magos e do Merlin.

Nível 2[editar]

Radagast demonstrando seu poder.

Agora sim, no nível 2 os maiar ganham sua primeira habilidade level 4. O único mago nesse nível é Radagast, o Marrom.

Nível 3[editar]

Gandalf, com sua roupa manchada de sangue de Balrog

Com um KI muito maior, os maiar do nível 3 podem enfrentar demônios de igual pra igual, então, se você for um, corra!

Gandalf era um maiar de nível 3, até que ele viu a luz e virou o mago branco de olhos azuis.

Nível S[editar]

Oswaldo Montenegro Saruman, o Branco de Muitas Cores

Ih! Fudeu! Um maiar do nível 4 pode conjurar tempestades, exorcizar demônios com a mente, criar Uruk-Hai do barro, sobreviver a um Roundhouse Kick...

O mais conhecido (e único) maiar de nível 4 é Saruman, que era o Branco mas depois assumiu a Bandeira Arco-Íris, só para depois ser expluso do clubinho dos magos, e por consequência, perder os poderes e morrer com uma flecha no joelho.

Outros tipos de Seres das Terras Eternas[editar]

E você acha que os únicos seres supremos que andam por aí na Terra-Média são um bando de velhinhos segurando num pau? Claro que não! Maiar podem assumir várias formas, e além deles ainda existem diversas outras criaturas abissais desde o grande Balrog até um simples orc bombado e idiota:

Os Balrogs[editar]

Cquote1.png Você quis dizer:Edir Macedo? Cquote2.png
Google sobre Maiar

Cquote1.png Experimente também:Demônio? Cquote2.png
Google sobre Maiar

Um Balrog, também chamado de Edir Macedo

Balrogs são Maiar super poderosos, capazes de transformar velhos lv 3 ou inferior em cinzas. Eles usam chicotes, espadas, martelos, correntes e vibradores, tudo de fogo, para atacar seus inimigos. Então, se vir um Balrog, COOOOOOOORRRRRAAAAAA!!!!!

O Grão-Orc[editar]

Outro provável Maia. Aprisionou Bilbo e cia. na montanha mas, porque era muito noob, teve sua cabeça corta pela poderosa espada de Gandalf.

Ungoliant[editar]

Outra Maia, essa era a mãe de Laracna. Morreu se comendo (sério, isso é verdade).

Águias e Ents[editar]

Outros prováveis Maiar são as Águias falantes e os Ents, árvores andantes. Mas há controvérsias sobre isso, o mais provável é que as Águias sejam filhos da zoofilia de Manwë e os Ents da botanofilia de Yavanna. Para mais detalhes, consulte os livros III, V, VII, IX e XIV da série The History of Middle-earth (ou não consulte, porque estes livros são chatos pra caralho).

Sauron[editar]

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Sauron

Sim, o Maia mais fodástico de todos era Sauron, mas ninguém se lembra muito disso.

Veja também[editar]


v d e h
Universo Tolkieniano
LOTR.png
Dios1.png Importante! A Igreja Universal quer sua atenção!

Deus quer que este artigo seja ampliado.
Aqueles que o fizerem, serão ajudados pelos seus tentáculos. Os que ignorarem, irão para o inferno pra sempre.
Não seja herege e obedeça a verdade única e divina!