Deslistas:Músicas da Xuxa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Músicas da Xuxa)
Ir para: navegação, pesquisa
Night creature.JPG Músicas da Xuxa surgiu das trevas!!

Vamos mergulhar o mundo nas trevas!!

Puro osso.gif
Cquote1.png Você quis dizer: mensagens subliminares Cquote2.png
Google sobre Músicas da Xuxa

Cquote1.png isso não é coisa de deus Cquote2.png
Didi Maiscedo do Pânico na TV sobre Músicas da Xuxa
Cquote1.png EXISTE MEU DEUS, SATANÁS EXISTE Cquote2.png
Alborghetti sobre Músicas da Xuxa

O número de músicas encontradas ao pesquisar o nome da Demonia Cantora no Ares

Xuxa lançou uma "carreira" de grandes sucessos no mundo da música. Inicialmente, homenageando o nosso "Rei", mas após isso, fazendo músicas de sentido duplo, satânico, oculto e mesmo explícito, como a música a seguir:

Cinco na Cama[editar]

Note o teor do conteúdo, completamente suspeito, além do título (Cinco na Cama). Nota-se também que a música fala em um "gordinho", mas quem diz "obrigada" no final é uma mulher, dando início a todo tipo de especulação:

Eram 5 na cama e o gordinho gritou:
Vai pra lá...Vai pra lá
5 rolaram 1 caiu ele deu um grito forte...
um grito muito alto!
UuUuUuuooooooooooHhHhHhHHhHHhHh

(...)

2 na cama e o gordinho gritou:
Vai pra lá...Vai pra lá
2 rolaram 1 caiu ele deu um grito forte...
um grito muito alto!
uEeeeeEEeeeeeHHhhHHhhHHhH

1 na cama e o gordinho falou:
Ai... assim é melhor ai...
posso me espregiçar todinho e durmir
feito um anjo pega rola..
Ahhhhhh
eu vo tirar uma soneca...
ai,ai....
será que dá pra abaixar o som aí um pouquinho?
sabe por que?
eu quero queimar rosca...
ahhhuohhh...
Obrigada!

Seu cu bate, vira[editar]

"Nessa canção, Xuxa ensina uma brincadeira nada comum para crianças. A letra é completamente pervertida. Note":

Seu cu, seu cu, bate, bate, seu cu, seu cu, vira, vira
Seu cu bate, seu cu vira, seu cu bate e vira
Seu cu, seu cu, bate, bate, seu cu, seu cu, vira, vira
Seu cu bate, seu cu vira, seu cu bate e vira
Seu cu, seu cu, bate, bate, seu cu, seu cu, vira, vira
Seu cu bate, seu cu vira, seu cu bate e vira...
Você brinca com o amigo
Você brinca cate sozinho
Pode ser perna com a mão
Pode ser na mão com a mão
Quem embola se enrola
Preste muita atenção
Por que tudo tem que ser rapidão
Seu cu-seu cu, mão fechada
Bate-bate, mão aberta
Se trocar, se bater fora
Bobeou, a gente erra
Tá na hora de treinar
Vou fazer bem devagar
Por que logo, logo vai acelerar

Seu cu, seu cu, bate, bate, seu cu, seu cu, vira, vira
Seu cu bate, seu cu vira, seu cu bate e vira...

Vem que eu vou te ensinar[editar]

Note a indução para a iniciação sexual nessa música. Mais uma vez provando que ela é a rainha dos baixinhos mostrando seus dotes como tutora.:

Mão direita na frente, mão direita atrás, mão direita na frente e mexendo sem parar. 
Roda, roda e não saia do lugar, vem que eu vou te ensinar.
Mão esquerda na frente, mão esquerda atrás, mão esquerda na frente e mexendo sem parar.
Roda, roda e não saia do lugar, vem que eu vou te ensinar.

... 

Põe a cabeça na frente, a cabeça atrás, a cabeça na frente, e mexendo sem parar.
Roda, roda, roda e não saia do lugar, vem que eu vou te ensinar.

Tico, o pequenino[editar]

Essa música descreve as dificuldades de lidar com crianças que geralmente tem o tico pequeno:

Vai começar
Vai começar
Agora vai, agora vai, agora vai
Sem tro-ló-ló
Sem tre-lê-lê
Eu e você
Eu e você
Eu e você

A festinha[editar]

Música criada em alusão às orgias citando um strip-tease da Minnie, com Beto Carrero demonstrando seus dons de sadomasoquismo BDSM. Além da presença do pica e do pau.:

Quero todos lá em casa
Bagunçando sem parar
Pra alegrar os convidados
Minnie vai se apresentar
Oh!, Oh!, Oh!
Quero todos lá em casa
Bagunçando pra valer
Se os amigos todos vão

Nosso herói Beto Carrero
Com chicote em sua mão
O porteiro é o Super-Homem
Para evitar confusão
Margarida e o Mickey
Vem até o Pica-Pau
Essa festa é um sucesso
É manchete de jornal

Não pode faltar você

A peteca[editar]

Nessa música a palavra "PITOCA" (ou "PIROCA", se preferir) é substituída pela palavra "PETECA" para dar um ar infantilóide à música de caráter extremamente pornográfico e desaconselhável para menores de 21 anos:

A perereca 
Olha só o charme que ela tem
A perereca 
Gloriosa no seu vai e vem
A perereca 
Quero ver você se divertir
A perereca 
Não deixa a peteca cair 

Ela sobe e desce
Linda no seu vai e vem
Na, na, na, na, na, na, na, na, na, na 
Na, na, na, na, na, na, na, na, na, na  

Eu nem te conto
Eu nem te conto
Ela vai te fazer suar
Eu nem te conto
Eu nem te conto
Nessa onda você vai entrar

Ai, ai, ai[editar]

Essa música conta as experiências vividas por Xuxa, entre elas as estocadas no furúnculo de trás. Dizem que foi Pelé quem inspirou a musa dos baixinhos a compor a letra:

Ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai
Me dói um furúnculo bem lá por trás
Minhas brotoejas coçam demais
Que dor de barriga, já não tenho paz
Aqui do banheiro eu não saio mais
Ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai

De tanta assadura não posso sentar
Cheia de alergia vivo a espirrar (espirrar = ejacular)
Pobre do meu calo fica a latejar (calo = pregas)
Ai que dor no quartos, quase enlouqueci
Corro apertada pra fazer xixi (fazer xixi = ejacular)

Nessa minha vida tudo vai mudar
De tanta catinga quero me livrar (catinga = lascívia)
Mas se não der certo volto a gritar
Ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai

Bananinha[editar]

Música evidenciando a gula da rainha por um membro masculino através da famosa metáfora da banana. Note o cunho altamente pornográfico dessa putaria música:

Bananinha bem quentinha 
Bananinha bem quentinha 
Bananinha bem quentinha
Banana, banana, banana

Hum yummy yummy Hum yummy yummy
Como tudo, como tudo, como tudo
Hum yummy yummy Hum yummy yummy
Como tudo, como tudo, como tudo

O tênis[editar]

Outra música da rainha, descrevendo um telefonema com o cantor Belo.Note que o título não era esse, mas na hora de registrar ouviram a primeira sílaba de forma errada

Eu passo o pênis assim pra você, eu passo, passo de volta pra você.
Eu passo o lapis assim pra você, eu passo, passo de volta pra você.
Eu passo o lenço assim pra você, eu passo, passo de volta pra você.

Agora você pode brincar em casa com o que tiver

Piroca[editar]

A letra original da música, antes de ser modificada pela censura para "Pipoca"

Mamãe diz que piroca é besteira...
Que não fode nem recheia
Que não tem gosto de nada

Vai ver que ela tá meio boboca
Eu sou movida a piroca
à base de tonelada!

Diz que é pra eu não devorar todo moço 
e que piroca eu não posso
Piroca eu como até o caroço 
Sem a tal tenho um troço

REFRÃO
Piroca (Aaaaaah)
Cheiro de piroca está rolando no ar
Piroca (Uoooba!)
Chupando o dia inteiro, engolindo sem parar

Eu sei que é importante comer,
Pra ele desenvolver ficar mais forte que um touro
Mas importante mesmo é piroca
E a mamãe não suporta
Isso é um estouro
Eu gosto quando vou ao cinema
Adoro quando namoro
Mamãe me da um cotoquinho
Por que se não eu choro
Me dá que eu nunca mais choro
Ai mamãe!

As letrinhas do alfabeto[editar]

A de Anal
B de Buceta
C de Caralho
D de Dedada
E de Ejaculada
F de Foder
G de Grelo
H de Hermafrodita
I de Introduza
J de Jeba
K de Ki Ku Gostoso
L de Leite da cara
M de Masturbada
N de Ninfeta
O de Orgia
P de Pirocão
Q de Que Délicia
R de Rapariga
S de Siririca
T de Teta macia... macia... maciiiia...
U de Upa Upa
V de Vagabunda
X de Xuxa quer xexo com a xana da Xena!
Z de Zoofilia
Vamos chupar! Vamos gozar!
Alegria pra valer!
Bote o caralho na Xuxa
Quando for fuder!!!

Lua de Cristal[editar]

Perceba o conteúdo sexual desta música. Esta foi feita quando Xuxa firmou o pacto com o diabo de forma vitalícia. Por motivo de censura a música original teve que ser apresentada ao público de forma contrária. Quem tocar o disco de vinil ao contrário irá escutar:

Dildo de cristal 
Que me faz gozar
Vai uma siririca
Mas eu quero anal
Dildo de cristal
Como é grandão
Faz o meu dia
Cheio de tesão

Quem quer pau?[editar]

Esta também foi censurada, e a palavra "Pau" foi substituída por "Pão" algum tempo mais tarde:

REFRÃO
Quem... quer...
pau, quem quer pau? quem quer pau?
que ta quentinho, ta quentinho, ta quentinho,
Tão gostosinho, gostosinho, gostosinho
Quero mais um, mais um!

É tão cheiroso e macio
tão saboroso, um arrepio
Se eu fosse manteiga
Derretia num instante
Ah! sim,
Assim.

REFREÃO

Lá vem o padeiro acorda cedo
E mexe a massa com vontade
Sempre contando a canção
Que fala assim, assim.

Olha que tá na hora
De mais uma pirocada
Quem não levar agora
Vai levar por trás
Olha que tá na hora
De mais uma pirocada
Quem não levar agora
Não leva mais.

REFRÃO

É pau salgado
cheiro de queijo
E tem pau doce recheado,
caramelado de açúcar
Eu quero um
Mais um!

É de Chocolate[editar]

Homenagem óbvia ao seu querido ex-cafetãonamorado Pelé, perceba a mensagem subliminar óbvia:

Por de trás do arco-íris além do horizonte
Há um mundo encantado feito pra você
Onde o sonho colorido mora atrás do monte
Quero te levar comigo quando amanhecer
Vou te mostrar que é de chocolate
De chocolate o amor é feito
De chocolate choc choc chocolate bate o meu coração
Choc choc choc choc choc choc chocolate
Choc choc choc choc choc é de chocolate
E numa casinha de biscoito e de sorvete
Você vai me esperar a cada anoitecer
Brigadeiro, rocambole e doce de leite
É só você tomar cuidado pra não derreter
Vou te mostrar que é de chocolate
De chocolate o amor é feito
De chocolate choc choc chocolate bate o meu coração
Choc choc choc choc choc choc chocolate
Choc choc choc choc choc é de chocolate
La la la la...