Krabby

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Tubarão.jpg Este artigo é aquático!

E é especialista em natação. Se você vandalizar, ele te joga uma tsunami, então cuidado com os tubarões e não leia sem usar uma máscara de oxigênio.

Cquote1.png Você quis dizer: Quebre? Cquote2.png
Google sobre Krabby

Cquote1.png Interessante... Cquote2.png
Brock sobre Krabby
Cquote1.png Eu tenho um. Cquote2.png
Ash Ketchum sobre seu Krabby fracassado
Cquote1.png É uma delícia... carne de siri é meu prato predileto Cquote2.png
Prof. Oak sobre Krabby

Krabby
#098
098Krabby.png
Cquote1.png Aff, não consigo andar pra frente! Cquote2.png
Krabby em momento de desespero
Habilidade
{{{habilidade1}}}
Tipo
WaterPoison
Espécie
Carangueijo comedor de bolo de arroz
Cadeia evolutiva
Krabby Seta.JPG Kingler
KrabbySprite.gif

Krabby é o pokémon #98 da primeira geração. Um caranguejo (ou seria um siri?) que costuma aparecer de vez em quando quando você prática uma pescaria por total tédio, mas de vez em quando nem repara que é um pokémon que você ainda não conhece. Ele é do tipo água, já que nunca se viu caranguejo de fogo ou caranguejo fantasma, mas nada se pode duvidar desses monstrinhos, já que tem um pato de fogo, e uma princesa fantasma.

Características[editar]

Um emocionante combate entre um Krabby e um Vulpix.
Caranguejos adoram comer bolinhos de arroz, pelo menos no fantástico mundo dos pokémons.

Krabby obviamente é um pokémon aquático, senão ele não teria cara de calango caranguejo, e portanto é muito comum em campanhas aquáticas no mundo de Kanto/Johto/Hoenn/Sinnoh/qualquer outro mundo tosco (óbvio né). De vez em quando, é possível encontrar alguns espécimes em praias do Brasil, mas estes fatalmente acabam sendo comidos vivos pelos gringos, e não nos referimos a furries chineses. Talvez a maior utilidade de um Krabby realmente seja ir para a panela de algum vendedor de churrasquinho de praia, porque como pokémon (aka. combatente) ele é facilmente superado. Se quiser ainda assim catar um Krabby, basta você procurar uma praia lotada de turistas gringos e usar a sua vara de pescar em um ponto qualquer, e quanto mais gente tiver em volta, melhor. É um bicho extremamente comum, mas se você é incompetente a ponto de não conseguir, ainda tem a opção de comprar um vivo na barraquinha do Tio João e fazer um ensopado de siri catado.

Além dessas praias, onde servem como churrasquinhos de gato, o habitat desse pokémon costuma ser as cavernas situadas perto do mar, independente da região onde se passa o anime ou o jogo, tanto faz. Nesse caso, nem precisa de varinha de pescar, porque eles aparecem aos montes, praticamente pedindo para você pegá-lo ou simplesmente lutar com ele só para upar seus outros bichos. É um pokémon tão simples que até o treinador mais fracassado seria capaz de domesticar um desses. Este pokémon virou uma praga na Austrália, já que lá eles se reproduzem feito loucos a base de entorpecentes e afrodisíacos, acabaram se multiplicando em trilhões e zilhões, invadido pistas, estradas, e áreas onde os humanos com certeza não imaginariam um bocado de caranguejos que fedem a esgoto mar invadindo suas privacidades. O jeito mesmo é esperar que os Krabbys se cansem de reproduzir e voltem pro mar imediatamente, já que virou um bicho tão chato quanto a certeza de que você vai encontrar uns 30 Rattatas só no matinho da primeira cidade.

Krabbies sabem soltar bolhinhas de água com perfeição, além disso eles sabem... eles sabem... Isso não importa, as bolhas devem quebrar o galho enquanto o treinador ainda viver na ilha dos noobs. Um Krabby pode ser bastante útil em um campeonato de bolhas de sabão, pelo menos. Isso se ele não se afogar com a própria bolha sem querer. A sua evolução é Kingler, um caranguejão dez vezes maior, com bolhas de água bem maiores e outras coisas que um Krabby jamais terá. Infelizmente a sua evolução virou um pokémon totalmente desvalorizado por qualquer pescador treinador inteligente, já que sabe que ele foi capturado por Ash Ketchum, e sendo assim é um pokémon muito ruim.

Curiosidades[editar]

O Krabby de Ash era só jogo de mídia, aliás porque esse pokémon nunca foi um sucesso.

Sabia que...

  • Krabby é tão cocô, que Ash nem precisou batalhar pra capturar o dele, apenas bateu no pokémon com um pedaço de pau e jogou a pokébola.
  • Um Krabby vale mais num espeto vendido em barraquinhas na praia do que num jogo de Pokémon?
  • Seria melhor você ter capturado um Staryu ou um Chinchou, por exemplo?
  • Pra evoluí-lo você tem que ser foda? Ou sejá é impossivel?

Veja Também[editar]

Goldeen

Magikarp

Tentacool

v d e h
1ª Geração