Joaquim

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Judeu0.jpg Cadê o moedinha?

Este artigo é judeu! Ele odeia palestinos, foi escolhido por Javé e não come camarão porque é caro e anti-kosher. O autor deste artigo provavelmente é contador e deve estar cuidando da lujinha.

São Joaquim, o padroeiro dos vovôs.

Joaquim é um personagem bíblico do evangelho apócrifo de Tiago (Ou seja, não está na bíblia), que era pai de Maria e avô de Jesus. No Alcorão, Joaquim é chamado de Imram.

História[editar]

Segundo o evangelho de Tiago (Que não está na bíblia), Joaquim era casado com uma mulher chamada Ana. Um dia os judeus foram fazer oferenda no templo, mas proibiram ele por ser broxa, isso deixou ele tão puto que ele saiu e foi pro deserto jejuar, até que um dia apareceu um anjo diante de Ana dizendo que ela ia dar a luz. Joaquim voltou com um pote de viagra, e só assim consegui transar com sua mulher, e nove meses depois tiveram uma menina chamada Maria.

Quando Maria já era mocinha, Joaquim queria arrumar um marido pra ela, então mandou o Zacarias chamar os viúvos para escolher um deles para casar com sua filha, mas Zacarias estava afim de sacanear ele, e chamou um velho gagá chamado José[1] para ser genro dele. Depois que Jesus nasceu, Joaquim virou vovô, por isso a Igreja Católica escolheu ele para ser o Padroeiro dos Vovôs.


  1. Segundo o evangelho apócrifo de Tiago, Maria tinha 12 aninhos quando se casou com José que já era um velho viúvo e pai de quatro filhos.