Chanel Preston

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
002.png Este artigo pode levar-te para o Lado Azul da Força!

Este artigo contém fatos sobre sapatas e dirige caminhão sem camisa.

Madonna-britney.jpg
Xana Presta
Curiosidades do mundo adulto o macho alpha chanel preston.jpg
Estou de olho em você...
Nascimento 1 de dezembro de 1985
Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Ocupação Puta paga
Altura 1,73
Signo Sagitário
Cabelo Castanho

Chanel Payton Preston é uma das mais famosas putas pagas da atualidade, com um belíssimo currículo para ninguém botar defeito! Recebeu alguns prêmios no início da carreira, mas nunca chegou a ganhar o grande Oscar das putarias, AVN Award.

História[editar]

Chanel Preston, atualmente, é um dos cartões postais do Havaí.

Nasceu em uma das maiores cidades do Alaska, lugar este que não combina nem um pouco com sua personalidade, já que é considerado o estado mais frio dos Estados Unidos e Chanel Preston sempre foi muito quente. Aliás, seu fogo no rabo era tanto que ela acabou sendo expulsa de sua terra natal, pois estava derretendo todo o gelo da região e causando um grave desequilíbrio ecológico. De tanto ser caçada e oprimida pelos esquimós locais, acabou mudando-se para o Havaí, este sim um estado de clima mais condizente em relação a ela.

Durante a adolescência, foi uma colegial safada dessas bem típicas dos filmes pornôs, que vivia provocando tudo que é macho e sendo invejada pelas outras alunas, que não eram tão favorecidas esteticamente quanto ela. Sendo a principal líder de torcida, perdeu a virgindade com todo o time de futebol americano da escola, incluindo até o treinador e a bola.

Apesar de sempre ter sido ninfomaníaca, Preston era uma aluna muito boa, em todos os sentidos da palavra, e nunca deixou que sua perversão sexual atrapalhasse seus estudos. Muito pelo contrário, ela tirava proveito disso para gastar suas energias com atividades extracurriculares, como dançar, tocar trompete e pintar.

Fora da escola, seu principal hobby era se masturbar, e graças às exímias habilidades que foi adquirindo com os dedos, também acabou tornando-se uma ótima pianista. De tanto fazer barulho em seu quarto, fosse com a música ou com seus gemidos ensurdecedores, Preston foi expulsa de casa pela segunda vez na vida, desta vez por sua própria família. Foi então convidada para dividir um apartamento com sua melhor amiga, e acabou tendo sua primeira experiência sexual lésbica com ela. Gostou tanto que nunca mais quis parar.

Carreira[editar]

Antes de ser a profissional do séquiço que é hoje, Chanel Preston tentou carreiras um pouco mais tradicionais. Por adorar praticar esportes, tentou ser nadadora, mas como nem precisa estar dentro d'água para ficar molhada, ela acabava transbordando as piscinas nas quais entrava com seus fluidos corporais.

Mais tarde, ela tentou unir o útil ao agradável e quis ser wrestler para ficar se agarrando com as divas da WWE, mas como não chegava a ser tão putona quanto as lutadoras, foi reprovada no teste do sofá.

Arrumou emprego duplo como stripper e garçonete em um cabaré, onde foi enfim descoberta por cafetões, graças a uma colega de trabalho sua que já fazia bico no cinema pornô e convidou-a para acompanhá-la durante as filmagens. Desde então, Preston tornou-se uma das mais renomadas vadias a trabalhar nesta indústria.

Ligações externas[editar]